((( Quem mexeu no meu iPod?)))
Quem Mexeu no Meu iPod?






15.7.08

Sonny J - Disastro

Share



Em 2007, o DJ Sonny J (Sonnington James III, de Liverpool) que ninguém nunca viu, lançou em seu MySpace o hit infectante I Can't Stop Moving (com um clip estilo Spike Jonze usando o desenho animado dos Jacksons 5) e mês passado liberou no youtube o vídeo de Handsfree, o que fez que nós do iPod corressemos atrás do álbum completo.E conseguimos!

Disastro é igualmente incrível como os dois singles já lançados - sampleando desde apresentações ao vivo, mensagens de rádio e esotéricas, toques nostalgicos, sons marítimos e de cabarés, trilha de filmes Bollywoodianos e ritmos deslocados do dance resultando num soul moderno - uma mistura estilosa de gêneros, tempos e locais.Sonny J é mais que um samplista - diferente de Girl Talk que fez Feed the Animals, um álbum muito bom, mas a verdade é que é puramente trechinhos de músicas com um background hip hop (o que não deixa de ser trabalhoso e simples).

A capa do álbum ilustra bem o que encontraremos: começa com Enfant Terrible um pop entorpecente francês; I'm So Heavy parece ter saído de um filme do Tarantino; Handsfree já comentado é um cover de uma música dos 50's em estilo Motown.Cabaret Short Circuit é como se estivessemos num cabaret assistindo a um show privado.A faixa Belly Bongo parece irmã dos outros dois singles, tão dançante e viciante quanto; Sorrow é um folk com letra e melodia tristes mas esse clima se quebra com I Can't Stop Moving.Strange Things é a faixa mais rocker.Doing The Tango tem um "q" Diva e com trechos em português regado a muita castanhola; No-Fi, a faixa mais experimental brinca com o gênero Lo-Fi,lembrando Fitter Happier do Radiohead.A faixa-título Disastro traz um soul breakbeat setentista; a última faixa Sonrise parece algo que Johnny Cash cantaria, com direito a despedida fofa; entre o trash do bem e som pra pista a melancolia e sensibilidade sem perder uma batida!

Transformando o esquecido soul num modelo psicodélico do século 21, Sonny J produz um álbum viciante e ambicioso que serviria como um b-side de The Go! Team, reciclando o pop do passado para construir um caminho para o futuro com seu vanguardista Disastro.
Ou resumindo tudo a uma imagem:


Nota

Baixe Disastro ao lado!

Um comentário :

Cin disse...

http://www.myspace.com/antigoneland

Ouça. É babadeira. Uma Roisin nascendo.

Bj