((( Quem mexeu no meu iPod?)))
Quem Mexeu no Meu iPod?






20.6.08

Diálogos Cinematográficos

Share



Quando o cinema fez 100 anos, o cineasta francês Jean-Luc Godard foi um dos que se levantaram contra o motivo da comemoração. Tudo porque, segundo ele, estabelecia-se como data do nascimento do cinema a ocasião em que houve a primeira exibição pública da história, com A Chegada do Trem na Estação, dos irmãos Lumière, e não a primeira vez que um filme rodou numa câmera, como ele queria. (Como esse cara é chato)

No Brasil, há uma confusão de datas. A primeira vez que uma câmera entrou em funcionamento registrando imagens 100% brasileira foi em 19 de junho de 1898, quando Alfonso Segreto chegou da Europa e filmou cenas da Baía de Guanabara. Essa é a data comumente associada ao nascimento do cinema brasileiro. Seu irmão Pascoal havia inaugurado uma sala de exibições no ano anterior e foi nessa sala que o filme foi exibido pela primeira vez.
No entanto, o Dia do Cinema Brasileiro é comemorado em 5 de novembro. Seria uma homenagem a dois eventos importantes acontecidos na data: o nascimento de Paulo César Saraceni (O Viajante) e o falecimento de Humberto Mauro (Ganga Bruta)? Ou simplesmente uma escolha comercial?

Não importa, a pergunta que fica é: - Qual o último filme brasileiro digno de comemoração? Recentemente o “Clichezaço” Tropa de Elite, levou e Berlim e fez o natal dos camelôs, tirando esse filme bisonho o que sobra são os filmes feitos por aquelas estrelas que a Rede Globo rejeitou.
Temos uma incapacidade de criar divas varonis, não? O máximo que é produzido por aqui, são estrelas que se dedicam ao universo infantil, religioso e erótico (não respeitando nenhuma ordem) e assim conseguindo alguma versatilidade artística e vida longa a nossa querida Rita Cadilac.

Um comentário :

REGINA MARIA disse...

Como sempre suas análises são precisas e geniais. Fale mais do cinema brasileiro e de seu sagrado renascimento, particularmente de filmes como o Ano em que meus pais saíram de férias. Claro, talvez esse já seja um assunto ultrapassado, como vc mesmo disse, seus comentários se circunscrevem aos mais recentes, mesmo assim eu queria saber mais sua opinião sobre cinema brasileiro.