((( Quem mexeu no meu iPod?)))
Quem Mexeu no Meu iPod?






24.3.08

Não Estou Lá

Share

Todd Haynes desconstrói o ícone Bob Dylan dirigindo Não Estou Lá, resultando num quebra-cabeça de seis peças num filme biográfico de ficção.

Como diz o título, Bob Dylan não está lá literalmente.
O filme, inspirado em músicas e nas várias vidas do cantor, mescla essas seis peças para contar individualmente, e longe dos olhos que não conhecem sua história, pequenos fatos que construíram o mito Bob Dylan.

Ben Winshaw, Christian Bale, Richard Gere, Marcus Carl Franklin, Heath Ledger em seu penúltimo papel, e a excelente Cate Blanchet, que foi indicada ao Oscar pelo papel interpretam essas peças ora em preto e branco, ora em cores, embaralhando-se sem chegar nunca a um desfecho conciso - que é a vida de Bob Dylan, certo?



A ousadia e o cinismo do diretor Todd Haynes - que já tem experiência em cinebiografias "fantasiosas" com Velvet Goldmine, sobre Lou Reed e David Bowie - são tão grandes quanto sua direção e roteiro - a cena que reconstitui o Newport Folk Festival, onde Dylan foi vaiado por se apresentar com uma guitarra elétrica vai do surreal ao real - assim como o começo do filme, uma autópsia do cantor, além do lado "poeta" reinterpretado por Arthur Rimbaud.

Outro destaque fica para a trilha sonora do filme - o cantor não costuma liberar suas músicas para filmes, etc, mas nessa caso deu ao diretor livre acesso a tudo - que tem em sua tracklist nomes como Yo La Tengo, Charlotte Gainsbourg (que também atua), Sonic Youh, Cat Power, entre outros.Além da faixa que encerra o filme: Knockin' on the Heaven's Door, cantada por Antony Hegart (dos Johnsons), no melhor cover da música.
Baixe a trilha completa: Parte 1 - Parte 2



Assim como termina o filme:
"É como se você pegasse o ontem, o hoje e o amanhã, numa mesma sala.Não tem como dizer o que pode acontecer."

Nota:


Dylan em todos os lugares:
Livro: Cronicas, de Bob Dylan
DVD: No Direction Home, de Martin Scorsese; Don't Look Back, de D.A. Pennebaker.
Orkut: I'm not There, Bob Dylan
YouTube: Show SP 1, Show SP 2
Site oficial

2 comentários :

Pedro disse...

quero ver!

Amélia disse...

Digo só uma coisa: só desse filme ter a vaca da Cate Blanchet já merece meu respeito.
(Sim, porque falar que o Dylan merece meu respeito seria clichê demais).
:**