Quem Mexeu no Meu iPod?






12.2.09

Cias de Teatro Comemoram Aniversário

Share

Duas das melhores Companhias de Teatro do Brasil, estão em cartaz em São Paulo. Dia 19 de Janeiro a Cia Vertigem de Teatro inaugurou sua nova sede na Bela Vista e continua em cartaz, a leitura cênica da peça: Histórias de Amor (Último Capitulo) de Jean-Luc Lagarce.

Jean-Luc Lagarce, autor de “História de Amor (Últimos Capítulos)”, é um dramaturgo contemporâneo francês dos mais encenados na Europa na atualidade, mas ainda pouco conhecido no Brasil. Falecido prematuramente aos 39 anos de idade, vítima de Aids, deixou uma obra bastante prolífica e original. Escreveu mais de vinte e cinco textos: "Le Pays Lointain", "J´étais dans ma maison et j'attendais que la pluie vienne", "Nous, les héros", "Apenas o Fim do Mundo" e "História de Amor (Últimos Capítulos)".

“História de Amor (Últimos Capítulos)”, escrito em 1983, trata do encontro de um homem e de uma mulher com um outro homem, com quem ambos tiveram uma história de amor. Eles, ao fim desse romance-a-três, o abandonam para viverem juntos. Esse homem, então, sozinho, escreve, lê, lembra-se da história que os uniu no passado. É a lembrança de uma história, mas também a sua recriação. Trata-se, é claro, do amor entre essas três pessoas, mas também de um amor pela própria escrita, pelo próprio ato de escrever ou de criar, e em última instância, pelo próprio teatro. Imperdível.



Teatro da Vertigem – Serviço
Inauguração da sede e reestréia de História de Amor (Últimos Capítulos)
De Jean-Luc Lagarce
Data: 16 de janeiro de 2009, às 21 horas, até 8 de março de 2009
Local: SEDE TEATRO DA VERTIGEM: Rua 13 de Maio, 240 – 1º. Andar - Bela Vista – São Paulo/SP
Telefone: 3255 2713
Lotação: 50 lugares
Temporada: Sab, 21h, dom, 20h
Duração: 50 minutos
Ingresso: Grátis, retirada com uma hora de antecedência
Recomendação: 14 anos

"O teatro pode ser muito mais do que o que vemos hoje. É possível frequentar feudos diferentes, mesclar formatos; os radicalismos tribais nunca nos conquistaram".
Felipe Hirsch

E para dar largada às comemorações de seus 15 anos de atividade, a Sutil Companhia de Teatro, elegeu a cidade de São Paulo, cujo público se identifica com “o fazer” da companhia Curitibana. De terça-feira (4) até 5 de abril, o Teatro Popular do SESI, na Avenida Paulista recebe a Mostra Sutil 15 anos, que reúne três importantes criações das 23 realizadas desde a fundação da companhia: Avenida Dropsie (2005), recriação cênica do universo do quadrinista Will Eisner, e o intimista Não sobre o Amor (2008), inspirado na correspondência do formalista russo Victor Shklovsky com sua amada, durante o exílio dele em Berlim e Thom Pain - Lady Grey, espetáculo inédito nos palcos paulistanos. Thom Pain - Lady Grey (2006) é formada por dois monólogos do escritor Will Eno.


Avenida Dropsie

Mostra Sutil 15 Anos

Avenida Dropsie • Não Sobre o Amor • Thom Pain – Lady Grey

4 de fevereiro a 5 de abril

Teatro do SESI – São Paulo
Avenida Paulista, 1313 – São Paulo
Tels (11) 3146-7405 e 3146-7406
www.sesisp.org.br/centrocultural

Quarta a domingo 20h
Quartas - entrada franca
Quinta a Domingo - R$ 10,00 e R$ 5,00 (estudantes e idosos)
Bilheteria aberta de quarta a domingo das 12 às 20h.
Os ingressos para o dia gratuito (dois por pessoa) devem retirados na bilheteria no dia do espetáculo.

4 de fevereiro a 1 de março
Quartas e quintas: Avenida Dropsie
Sextas e sábados: Não Sobre o Amor
Domingos: Avenida Dropsie

4 a 8 de março
De quarta a domingo: Thom Pain – Lady Grey

11 a 15 de março
De quarta a domingo: Avenida Dropsie

18 a 22 de março
Quarta e quinta: Não Sobre o Amor
Sexta a domingo: Avenida Dropsie

25 de março a 5 de abril
Quarta a domingo: Avenida Dropsie

Nenhum comentário :